Filipenses 1


Filipenses 1:1

Paulo e Timóteo, servos de Cristo Jesus,
A todos os santos em Cristo Jesus que estão em Filipos, inclusive os bispos e os diáconos:

(uma) Paulo muito provavelmente escreveu esta carta à igreja em Filipos enquanto estava em uma prisão romana. Os cristãos filipenses lhe enviaram um presente por meio de um homem chamado Epafrodito (Fp. 4:18). Paulo enviou Epafrodito de volta à igreja com esta carta (Fp. 2:25).

(b) Timóteo, filho espiritual e colaborador de Paulo, estava visitando Paulo no momento em que esta carta foi escrita.

(c) Servos de Cristo Jesus; Vejo entrada para Rom. 1:1.

(d) Os Santos. No Novo Testamento, os cristãos são conhecidos como santos, não pecadores (ver entrada para Atos 26:18). Santificados em Cristo, os cristãos são um sacerdócio santo (1 Pe 2:5).

(e) Em Cristo Jesus. Não há santos fora de Cristo Jesus e nenhum pecador em Cristo Jesus, pois todos os que estão em Cristo são santificados por Cristo. A santificação é uma das muitas bênçãos que desfrutamos como resultado de estarmos em união com Cristo. Veja a entrada de Filemom 1:6.

(f) Os santos em Cristo Jesus. No Novo Testamento, os cristãos são conhecidos como santos, não pecadores (Efésios 1:1, Colossenses 1:2). Santificados em Cristo, os cristãos são um sacerdócio santo (1 Pe 2:5).

(g) Quem está em Filipos. Paulo fundou a igreja em Filipos (Atos 16:12ss).


Filipenses 1:2

Graça a vós e paz da parte de Deus nosso Pai e do Senhor Jesus Cristo.

A graça e a paz de Deus estavam no centro de tudo o que Paulo escreveu (ver entrada para Rom. 1:7).


Filipenses 1:5

em vista de sua participação no evangelho desde o primeiro dia até agora.

O Evangelho refere-se ao evangelho de Cristo ou ao evangelho de Deus ou ao evangelho do reino. Todos esses são rótulos diferentes para o que Paulo chamou de “meu evangelho” ou evangelho da graça. Ver entrada para o Evangelho.


Filipenses 1:6

Pois estou certo disto mesmo, que aquele que começou a boa obra em vocês há de completá-la até o dia de Cristo Jesus.

(uma) Eu sou confiante. Você pode ter certeza de que a boa obra que Jesus começou em você, ele verá até o fim. Ele o levará em segurança ao seu reino celestial (2 Tm 4:18).

(b) Vai aperfeiçoar. Somente Cristo o sustenta (Rm 11:18, Ef 5:29), e ele o guardará até o fim (1Co 1:8-9). Ver entrada para a Segurança Eterna.

(c) O dia de Cristo Jesus refere-se ao retorno do Senhor; Vejo entrada para Php. 1:10.


Filipenses 1:7

Pois é justo que eu me sinta assim por todos vocês, porque os tenho em meu coração, pois tanto em minha prisão quanto na defesa e confirmação do evangelho, todos vocês são participantes da graça comigo.

(uma) O Evangelho que Paulo pregava era o evangelho da graça (ver entrada para Atos 20:24). Por meio desse evangelho, os filipenses se tornaram participantes da graça.

(b) Participantes da graça. Não basta apenas ouvir sobre a graça, você precisa recebê-la pela fé (Efésios 2:8). O evangelho da graça é verdadeiro quer você acredite ou não, mas não lhe fará nenhum bem a menos que você creia nele.


Filipenses 1:10

para que possais aprovar as coisas excelentes, a fim de serdes sinceros e irrepreensíveis até o dia de Cristo;

O dia de Cristo. Alguns falam sobre a segunda vinda de Jesus, mas a frase “a segunda vinda” não é encontrada na Bíblia. Em vez disso, as escrituras se referem ao dia ou à vinda do Senhor ou à vinda do Filho do Homem (Mt 24:37, 1Ts 4:15). É o “dia de Cristo” quando “Jesus é revelado do céu” (Fp 1:10, 1 Pe 1:13).

Leitura complementar: “90 escrituras sobre a vinda final de Jesus


Filipenses 1:11

tendo sido cheios do fruto de justiça que vem por meio de Jesus Cristo, para glória e louvor de Deus.

Cheio do fruto da justiça. Jesus é o Ramo Justo predito pelos profetas do Antigo Testamento (Jr 23:5, 33:15). Um com o Senhor, somos tão justos quanto ele e cheios de seu fruto justo (João 15:5). Ver entrada para a Retidão.


Filipenses 1:12

Agora eu quero que vocês saibam, irmãos, que minhas circunstâncias resultaram para o maior progresso do evangelho,

(uma) Irmãos. No Novo Testamento, a palavra irmãos normalmente se refere a irmãos e irmãs cristãos (ver entrada para hebr. 2:11).

(b) O Evangelho; Vejo entrada para o Evangelho.


Filipenses 1:14

e que a maioria dos irmãos, confiando no Senhor por causa do meu aprisionamento, tem muito mais coragem para falar a palavra de Deus sem medo.

(uma) Minha prisão. Paulo não foi preso porque pregou a lei da antiga aliança. Ele se tornou alvo da animosidade judaica e da justiça romana porque ousou falar às pessoas sobre a graça de Deus revelada em seu Filho. (Veja também 2 Timóteo 2:9.)

(b) A palavra de Deus é a boa nova de Jesus.

Ver entrada para Palavra de Deus.


Filipenses 1:22

Mas se eu viver na carne, isso significará um trabalho frutífero para mim; e não sei qual escolher.

Viva na carne. Continue vivendo neste corpo mortal. Ver entrada para a Carne.


Filipenses 1:24

no entanto, permanecer na carne é mais necessário para o seu bem.

Para permanecer na carne. Continue vivendo neste corpo mortal.


Filipenses 1:28

de forma alguma alarmado por seus oponentes - o que é um sinal de destruição para eles, mas de salvação para você, e isso também, de Deus.

(uma) salvação. A palavra original para salvação significa libertação ou resgate. Jesus é o grande Libertador que nos resgata de nossos inimigos (Lucas 1:71).

(b) De Deus. A religião feita pelo homem diz que podemos nos salvar, mas a salvação é assunto do Salvador. Nossa salvação não é algo que podemos fabricar, pois a salvação é inteiramente de Deus (Ap 19:1). É somente por causa de sua graça que podemos ser salvos (Atos 15:11, Efésios 2:5). “Ele nos salvou, não por causa de coisas justas que fizemos, mas por causa de sua misericórdia” (Tt. 3:5).

Ver entrada para a Salvação.


Filipenses 1:29

Pois a vocês foi concedido por amor de Cristo, não somente crer nele, mas também sofrer por ele,

(uma) Garantido. A palavra original (charizomai) significa mostrar favor ou bondade. Está intimamente relacionado com a palavra que significa graça (charis). Embora Deus nunca seja a causa de nossos sofrimentos, ele os redime para revelar coisas boas sobre si mesmo.

(b) Sofre por Ele. O sofrimento que os filipenses estavam experimentando não era resultado de doença, mas perseguição (ver versículo anterior).

Paulo entendeu por experiência própria que “todos os que desejam viver piedosamente em Cristo Jesus serão perseguidos” (2 Tm 3:12). Sofrer por causa dele é ser perseguido por causa de Jesus. Quando você é perseguido por causa de Jesus, você pode chorar por causa disso, ou pode abraçá-lo como um distintivo de honra (Mt 5:11-12). Você está em boa companhia.


The Grace Commentary é um trabalho em andamento com novos conteúdos adicionados regularmente. Inscreva-se para atualizações ocasionais abaixo. Tem algo a dizer? Por favor, use oComentáriospágina. Para denunciar erros de digitação ou links quebrados nesta página, use o formulário de comentários abaixo.

Deixe uma resposta